quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Após prisão, #delatacunha toma as sociais

Do Diário do Poder
A prisão do deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) nesta quarta-feira, 19, está repercutindo nas redes sociais. A hashtag ‘Delata Cunha’ já é uma das mais mencionadas no Twitter – #Cunha e #SergioMoro estão nos trending topics Brasil.
Os internautas lembram com memes, inclusive, de uma frase dita pelo peemedebista ainda no começo do ano: “Não vou sozinho. Vou carregar muita gente comigo”.
Cunha foi preso por ordem do juiz Sérgio Moro, que apontou para o ‘caráter serial dos crimes’ do peemedebista. O juiz usou como fundamentos do decreto de prisão de Eduardo Cunha ‘risco à ordem pública e à instrução do processo’, além de fuga.
O ex-presidente da Câmara é acusado de manter contas secretas na Suíça abastecidas por propina do petrolão. Ele também responde a processo no Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção e lavagem de dinheiro em fatos relacionados à aquisição de navios-sonda da Petrobras.
Um dos memes lembra ainda do ex-presidente Lula e diz que, com a prisão de Cunha, não há mais desculpas para não prender o petista.
Do Jornal Gazeta
Direto de Brasília, Josias de Souza fala sobre o impacto da prisão de Eduardo Cunha.