domingo, 31 de julho de 2016

Temer autoriza envio de tropas do Exército para combater ataques no RN

Do G1, em Brasília
Cidades potiguares sofrem onda de ataques a ônibus e prédios públicos. Governo aguarda oficialização pedido de reforço para definir detalhes.
A Secretaria de Imprensa do Palácio do Planalto informou que o presidente da República em exercício, Michel Temer, autorizou na tarde deste domingo (31) o envio de tropas do Exército para atuar no combate a ataques criminosos no Rio Grande do Norte. O anúncio foi feito horas após o governador potiguar, Robinson Faria, divulgar pedido ao governo federal de reforço de militares para "garantir a segurança da população".
Desde a última sexta-feira (29), pelo menos 54 ataques a ônibus, unidades policiais e prédios públicos ocorreram em várias cidades potiguares, segundo a Secretaria de Segurança do estado. A instalação de bloqueadores de celular na Penitenciária Estadual de Parnamirim, na Grande Natal, é apontada pelo governo estadual como motivo dos atentados.
O Palácio do Planalto não divulgou o tamanho do efetivo que será enviado ao Rio Grande do Norte. De acordo com a Secretaria de Imprensa, os detalhes do envio de militares ainda estão sendo definidos. O governo federal aguarda a oficialização do pedido do governador potiguar, que conversou por telefone com autoridade do Gabinete de Segurança Institucional.