Pular para o conteúdo principal

Impostômetro do RN

PM morre após ter arma roubada por homem e ser baleado; veja vídeo

G1 GO
Um policial militar morreu e outro ficou ferido ao atenderem uma ocorrência de som alto na noite de sexta-feira (8) em Itacaiu, distrito de Britânia, no oeste de Goiás. De acordo com o Corpo de Bombeiros, houve troca de tiros com os participantes da festa. Um homem morreu e outros dois também ficaram feridos na briga. Um vídeo mostra o momento em que um deles pega a pistola do coldre do militar e atira contra ele Testemunhas relataram aos bombeiros que no local acontecia uma festa com som automotivo e que os policiais foram lá após uma denúncia de “perturbação da ordem pública”. No vídeo, os policiais aparecem tentando prender um homem de camiseta azul listrada. Uma mulher tenta impedir a ação, gritando que ele não tinha feito nada que justificasse ser preso.(veja vídeo).
Testemunhas relataram aos bombeiros que no local acontecia uma festa com som automotivo e que os policiais foram lá após uma denúncia de “perturbação da ordem pública”. No vídeo, os policiais aparecem tentando prender um homem de camiseta azul listrada. Uma mulher tenta impedir a ação, gritando que ele não tinha feito nada que justificasse ser preso.
Durante a confusão, um homem, de 49 anos, vestindo camiseta branca e bermuda amarela se aproxima pelas costas do policial, o sargento Uires Alves da Silva, de 45 anos, pega a arma que estava presa na perna dele e atira diversas vezes na direção dos militares. Depois de caído, ele ainda é alvejado outra vez pelo homem.
De acordo com a Polícia Militar, o homem que retirou a arma e matou o sargento também foi baleado e morreu no local. Pessoas que estavam no local correram para se esconder atrás dos carros que estavam na festa. Vários carros também ficaram com marcas de tiros na lataria e no vidro.
O policial baleado foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para o Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol). Ele passa por cirurgia na unidade e o estado de saúde ainda não foi informado.
Em nota, a Polícia Mlitar informou que será instaurado um procedimento administrativo para apurar os fatos.
Nenhum servidor atendeu as ligações na delegacia de Britânia. O G1 tentou também tentou contato com a assessoria de imprensa da Polícia Civil, mas os telefonemas também não foram atendidos.

Postagens mais visitadas deste blog

ÁUDIO: Capitão Styverson detona a Polícia Civil diz que agentes e delegados são preguiçosos.

O temido capitão da Lei Seca, Styverson Valetim, que faz um excelente trabalho nas blitzes de trânsito, criticou com veemência os integrantes da Polícia Civil em um áudio que circula pelos grupos de WhatsApp. “Meu trabalho funciona, pois só depende de mim. Não sou vinculado à Polícia Militar”, disse Styverson no áudio, fazendo críticas até a corporação que faz parte. Depois detonou a Polícia Civil: “O Policial Civil ganha muito bem e um delegado ganha R$ 23 mil para não fazer nada”. “Já denunciei as delegacias que não querem trabalhar por preguiça”, diz ainda o Capitão Styverson. (HeitorGregório).

Violência no Rio Grande do Norte - 29.05.2016

Casal aborda e da garupa da motocicleta mulher mata jovem no Igapó 190rn - Um homicídio foi registrado neste sábado no bairro de Igapó, vitimando um jovem identificado como Eduardo, conhecido como “Dudu”, que foi vítima de pelo menos quatro disparos de arma de fogo. Segundo informações de populares, a vítima estava em frente a uma residência quando um casal chegou no local em uma motocicleta e a mulher, que estava na garupa, atirou contra ele.
Após ter sido ferido, ele ainda foi socorrido ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos, morrendo na unidade hospitalar. Mototaxista é executado dentro de casa em São Paulo do Potengi 190rn - Um homicídio foi registrado na madrugada deste domingo, na cidade de São Paulo do Potengi vitimando um mototaxista identificado como Paulo Sérgio, mais conhecido na cidade como “Rosinha”. A vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo, quando estava na sua residência e ainda foi socorrido mais não resistiu aos ferimentos, morrendo antes da c…

Mega Fazenda de Lula na Argentina

Segundo o guia dos pescadores a Mega Fazenda pertence ao ex-presidente da República Luiz Inácio LULA da Silva e seu filho Lulinha. Assistam o vídeo e vejam onde o dinheiro do Brasil, do povo brasileiro está indo parar. (jonasmelloradialista)