Pular para o conteúdo principal

Impostômetro do RN

Homem morre eletrocutado ao subir no poste para assistir discurso de Dilma Rousseff; veja vídeo

Portal G1 SE
Um homem morreu na tarde desta segunda-feira (25), após receber uma descarga elétrica e cair de um poste na Praça General Valadão, no Centro de Aracaju, onde a presidente afastada Dilma Rousseff se preparava para iniciar o seu discurso no ato Jornada Nacional Pela Democracia.
Segundo o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o homem que aparentava ter cerca de 25 anos, estava sem identificação e sofreu uma parada cardíaca e traumatismo craniano e não resistiu.
Dilma chegou à capital sergipana por volta das 15h30, e seguiu para o Centro da cidade e por volta das 16h30 se reuniu com lideranças do PT, PCdoB e do MST. (O vídeo abaixo contém senas fortes)

Em seu discurso, que durou cerca meia hora, ela falou para centenas de pessoas e afirmou que é vítima de um golpe. “Não é um golpe com armas na mão. Eles estão me julgando por um não crime. Não só o Senado, mas o MPF me inocentou, mas isso para eles pouco importa, o que importa é me afastar da presidência. É implantar um processo de retrocesso. Temer vai privatizar o país. Não vou renunciar, não sou frágil. Não tenho conta na Suíça. Tenho posição, não sou recatada”, disparou.
"Eles querem acabar com o Mais Médicos, parando de contratar os médicos cubanos. E querem impedir que o povo tenha saúde. Querem fazer um plano de saúde mínimo conduzir a saúde dos pobres como se fosse diferente da dos ricos”, disse.
Durante o seu discurso a educação foi alvo de critícas. “Vários programas estão sendo encerrados. O Pronatec está praticamente cancelado, pois não fazem nenhuma matrícula. Para onde vai o dinheiro do orçamento? A tendência é tirar direitos dos trabalhadores”.
“A educação sem partido é na verdade o coroamento da visão que transforma o Brasil em uma pátria não desenvolvida. Querem nos transformar em um bando de carneiros. Isso é a educação sem partido”.
Em seu discurso ela falou sobre a importância de um país com saúde e educação e lembrou de nomes da política sergipana como o governador Marcelo Déda e o senador José Eduardo Dutra.
“Déda cantou a alma do povo sergipano do qual ele tinha muito orgulho. E uma das coisas que considero mais fortes em Deda e Zé Eduardo era a coragem de enfrentar desafios. Tenho certeza que vocês têm muitos desafios pela frente e que vocês vão honrar a memória desses dois sergipanos”, destacou.
“Eu queria abraçar cada um de vocês. Abraçar a solidariedade das mulheres, dos jovens, dos negros e dos índios e todas as minorias. Vivemos um tempo difícil no Brasil e está em curso um golpe contra os interesses do povo brasileiro”.
“Eu me inspiro na luta de vocês. Podem esperar sentados, pois eu não desisto dessa luta. Eu sei que vocês estão comigo. E é por isso, que tenho força para lutar. A razão e a democracia estão do nosso lado”.
Segundo os organizadores, 20 mil pessoas estavam no evento. A Polícia Militar não fez estimativa.

Postagens mais visitadas deste blog

ÁUDIO: Capitão Styverson detona a Polícia Civil diz que agentes e delegados são preguiçosos.

O temido capitão da Lei Seca, Styverson Valetim, que faz um excelente trabalho nas blitzes de trânsito, criticou com veemência os integrantes da Polícia Civil em um áudio que circula pelos grupos de WhatsApp. “Meu trabalho funciona, pois só depende de mim. Não sou vinculado à Polícia Militar”, disse Styverson no áudio, fazendo críticas até a corporação que faz parte. Depois detonou a Polícia Civil: “O Policial Civil ganha muito bem e um delegado ganha R$ 23 mil para não fazer nada”. “Já denunciei as delegacias que não querem trabalhar por preguiça”, diz ainda o Capitão Styverson. (HeitorGregório).

Violência no Rio Grande do Norte - 29.05.2016

Casal aborda e da garupa da motocicleta mulher mata jovem no Igapó 190rn - Um homicídio foi registrado neste sábado no bairro de Igapó, vitimando um jovem identificado como Eduardo, conhecido como “Dudu”, que foi vítima de pelo menos quatro disparos de arma de fogo. Segundo informações de populares, a vítima estava em frente a uma residência quando um casal chegou no local em uma motocicleta e a mulher, que estava na garupa, atirou contra ele.
Após ter sido ferido, ele ainda foi socorrido ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos, morrendo na unidade hospitalar. Mototaxista é executado dentro de casa em São Paulo do Potengi 190rn - Um homicídio foi registrado na madrugada deste domingo, na cidade de São Paulo do Potengi vitimando um mototaxista identificado como Paulo Sérgio, mais conhecido na cidade como “Rosinha”. A vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo, quando estava na sua residência e ainda foi socorrido mais não resistiu aos ferimentos, morrendo antes da c…

Mega Fazenda de Lula na Argentina

Segundo o guia dos pescadores a Mega Fazenda pertence ao ex-presidente da República Luiz Inácio LULA da Silva e seu filho Lulinha. Assistam o vídeo e vejam onde o dinheiro do Brasil, do povo brasileiro está indo parar. (jonasmelloradialista)