sexta-feira, 8 de julho de 2016

Após matar agricultor por engano, pistoleiros voltam e matam dono de bar

Mossoró Hoje
Pistoleiros que mataram o agricultor Marcondes Miranda da Costa por engano, na terça-feira passada (05) em Pilões/RN, retornaram ao bar onde o crime aconteceu e executaram o proprietário com vários disparos na manhã desta quinta-feira (07).
Adriano Duarte da Silva, de 39 anos, estava no estabelecimento, quando foi surpreendido por dois homens em uma moto. A informação foi confirmada ao jornal pelo delegado de Alexandria, Célio Fonseca.
Um suspeito com as mesmas características de um dos atiradores foi detido e levado à delegacia para esclarecimentos.
Dados da investigação apontam que o comerciante estava marcado para morrer no início da semana, mas foi confundido pelo agricultor Marcondes, devido os dois estarem usando camisetas da mesma cor.
A polícia trabalha a possibilidade de vingança ter motivado os dois assassinatos. Marcondes era uma pessoa de bem e não tinha qualquer ligação com ilícitos, segundo informou o chefe de investigação Raniere Fernandes, entretanto, Adriano teria envolvimento no assassinato do ex-presidiário Gilberto Oliveira, em agosto de 2015 em Pau dos Ferros.
Um inquérito policial será instaurado para apurar os motivos e os responsáveis pela morte do comerciante nesta terça (07).