Pular para o conteúdo principal

Impostômetro do RN

Sindicato dos Médicos denuncia que UTI pediátrica do Hospital Maria Alice Fernandes poderá fechar em Julho

Heitor Gregório - Hoje o Rio Grande do Norte tem um déficit de 300 UTIs Neonatal e Pediátricas, causando grande transtorno para a população. Esse número deve aumentar caso a UTI pediátrica do Hospital Maria Alice Fernandes (HMAF), na Zona Norte de Natal, feche seus 10 leitos no próximo dia 29 de julho.
O caso foi denunciado pela coordenadora da UTI Pediátrica do HMAF, Luciana de Aguiar Corrêa, durante reunião com a diretoria do Sinmed RN, ocorrida na noite da última terça-feira (14). De acordo com Luciana, desde o ano de 2014 a equipe do Maria Alice alerta a Secretaria Estadual de Saúde sobre a falta de Recursos Humanos na unidade, o que pode levar ao fechamento da UTI.
A equipe tem fechado escala de plantões com um número crítico de profissionais, sobrecarregando os médicos quando alguém tira férias ou adoece, por exemplo. Com a previsão de algumas aposentadorias para os próximos meses, o problema deve se agravar, deixando a escala de plantões do mês de julho incompleta.
Assim, o Hospital Maria Alice receberá pacientes para a UTI (Neo e Pediátrica) até o dia 15 de julho, já que só poderá garantir o acompanhamento deste paciente até o dia 29. Voltando a reabrir apenas no dia 01 de agosto.
Também por falta de profissionais, a UTI pediátrica do Hospital Walfredo Gurgel não deverá fechar a escala de plantões no mês de agosto, agravando ainda mais a crise da UTI pediátrica no estado.
“Estamos desesperados com o fechamento da UTI”, revela Luciana Corrêa. E aponta como uma possível solução a otimização das equipes de UTI pediátrica no estado. “Não podemos ter perda de leitos, uma solução seria a junção destes leitos em uma unidade como o Walfredo Gurgel e, também, realocar profissionais de outras UTIs pediátricas para as unidades com maior demanda”, sugere.
O Sindicato dos Médicos do RN já solicitou reunião de urgência com a secretária de saúde do estado, Eulália de Albuquerque Alves, para solucionar a falta de médicos nas unidades e garantir o serviço de qualidade e com segurança para os pacientes.
“Vamos solicitar três medidas para solucionar o problema. De forma imediata, a contratação de serviço complementar, como as cooperativas médicas. A médio e longo prazo, pode ser feito o Processo Seletivo Simplificado e o Concurso Público”, disse Geraldo Ferreira, presidente do Sinmed RN.

Postagens mais visitadas deste blog

ÁUDIO: Capitão Styverson detona a Polícia Civil diz que agentes e delegados são preguiçosos.

O temido capitão da Lei Seca, Styverson Valetim, que faz um excelente trabalho nas blitzes de trânsito, criticou com veemência os integrantes da Polícia Civil em um áudio que circula pelos grupos de WhatsApp. “Meu trabalho funciona, pois só depende de mim. Não sou vinculado à Polícia Militar”, disse Styverson no áudio, fazendo críticas até a corporação que faz parte. Depois detonou a Polícia Civil: “O Policial Civil ganha muito bem e um delegado ganha R$ 23 mil para não fazer nada”. “Já denunciei as delegacias que não querem trabalhar por preguiça”, diz ainda o Capitão Styverson. (HeitorGregório).

Violência no Rio Grande do Norte - 29.05.2016

Casal aborda e da garupa da motocicleta mulher mata jovem no Igapó 190rn - Um homicídio foi registrado neste sábado no bairro de Igapó, vitimando um jovem identificado como Eduardo, conhecido como “Dudu”, que foi vítima de pelo menos quatro disparos de arma de fogo. Segundo informações de populares, a vítima estava em frente a uma residência quando um casal chegou no local em uma motocicleta e a mulher, que estava na garupa, atirou contra ele.
Após ter sido ferido, ele ainda foi socorrido ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos, morrendo na unidade hospitalar. Mototaxista é executado dentro de casa em São Paulo do Potengi 190rn - Um homicídio foi registrado na madrugada deste domingo, na cidade de São Paulo do Potengi vitimando um mototaxista identificado como Paulo Sérgio, mais conhecido na cidade como “Rosinha”. A vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo, quando estava na sua residência e ainda foi socorrido mais não resistiu aos ferimentos, morrendo antes da c…

Mega Fazenda de Lula na Argentina

Segundo o guia dos pescadores a Mega Fazenda pertence ao ex-presidente da República Luiz Inácio LULA da Silva e seu filho Lulinha. Assistam o vídeo e vejam onde o dinheiro do Brasil, do povo brasileiro está indo parar. (jonasmelloradialista)