Pular para o conteúdo principal

Impostômetro do RN

Sem reagente, O RN perde oito rins

G1 RN - Produto é necessário em exames de compatibilidade entre doador e receptor. 8 transplantes não foram feitos nesta quarta; RN tem 160 pessoas na fila.
Oito transplantes de rins foram suspensos nesta quarta-feira (22) em Natal por falta de reagente, produto usado nos testes de compatibilidade. No Rio Grande do Norte, 160 pessoas estão na fila para receber o órgão.
Os rins seriam transplantados em pacientes dos hospitais Walfredo Gurgel e Santa Catarina. De acordo com César Brito, médico urologista, os órgãos eram de jovens e estavam em ótimo estado para transplantes. "Doação é um ato nobre das famílias em um momento de dor. Mas na hora da captação, ficamos limitados. É frustrante. É uma pena perder órgãos tão bons", disse. O reagente é necessário para o teste de compatibilidade, que estabelece qual paciente pode receber o rim.
Kleber Cavalcanti, diretor do Hemovida -responsável pelos testes de compatibilidade-, informou que o motivo da paralisação dos exames que verificam a compatibilidade entre doador e receptor é o atraso no pagamento, que é realizado pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) e Ministério da Saúde. Segundo ele, desde maio de 2015 que o pagamento não é feito. Por causa disso, o Hemovida não consegue arcar com os custos dos reagentes necessários. "O valor que deveríamos ter recebido é de R$ 1,3 milhão até dezembro do ano passado", disse.
Em nota, a Sesap esclareceu que foi realizado junto ao estado de Pernambuco um empréstimo de kits de reagente HLA, necessário para os exames de compatibilidade nos transplantes de órgãos, que irá suprir a demanda do setor. "Esses kits chegarão ao Rio Grande do Norte na tarde desta quinta-feira (23). Paralelo a isto, encontra-se em tramitação o processo para pagamento da dívida – no valor aproximado de R$ 1,3 milhão – junto ao Hemovida, prestador conveniado ao SUS. O processo encontra-se na Procuradoria Geral do Estado (PGE) e a expectativa é que seja pago até a próxima semana", diz a nota.
De acordo com a Central de Transplantes, dois rins estão na Bahia e seriam doados para pacientes do Rio Grande do Norte. Por causa da falta de reagente, os órgãos não foram transportados para Natal.

Postagens mais visitadas deste blog

ÁUDIO: Capitão Styverson detona a Polícia Civil diz que agentes e delegados são preguiçosos.

O temido capitão da Lei Seca, Styverson Valetim, que faz um excelente trabalho nas blitzes de trânsito, criticou com veemência os integrantes da Polícia Civil em um áudio que circula pelos grupos de WhatsApp. “Meu trabalho funciona, pois só depende de mim. Não sou vinculado à Polícia Militar”, disse Styverson no áudio, fazendo críticas até a corporação que faz parte. Depois detonou a Polícia Civil: “O Policial Civil ganha muito bem e um delegado ganha R$ 23 mil para não fazer nada”. “Já denunciei as delegacias que não querem trabalhar por preguiça”, diz ainda o Capitão Styverson. (HeitorGregório).

Violência no Rio Grande do Norte - 29.05.2016

Casal aborda e da garupa da motocicleta mulher mata jovem no Igapó 190rn - Um homicídio foi registrado neste sábado no bairro de Igapó, vitimando um jovem identificado como Eduardo, conhecido como “Dudu”, que foi vítima de pelo menos quatro disparos de arma de fogo. Segundo informações de populares, a vítima estava em frente a uma residência quando um casal chegou no local em uma motocicleta e a mulher, que estava na garupa, atirou contra ele.
Após ter sido ferido, ele ainda foi socorrido ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos, morrendo na unidade hospitalar. Mototaxista é executado dentro de casa em São Paulo do Potengi 190rn - Um homicídio foi registrado na madrugada deste domingo, na cidade de São Paulo do Potengi vitimando um mototaxista identificado como Paulo Sérgio, mais conhecido na cidade como “Rosinha”. A vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo, quando estava na sua residência e ainda foi socorrido mais não resistiu aos ferimentos, morrendo antes da c…

Mega Fazenda de Lula na Argentina

Segundo o guia dos pescadores a Mega Fazenda pertence ao ex-presidente da República Luiz Inácio LULA da Silva e seu filho Lulinha. Assistam o vídeo e vejam onde o dinheiro do Brasil, do povo brasileiro está indo parar. (jonasmelloradialista)