sábado, 21 de maio de 2016

Leia: Ação Policial no Rio Grande do Norte - 21.05.2016

Polícia fecha “boca de fumo” e prende acusado de tráfico em Bom Jesus
190RN - As polícias Civil e Militar fecharam mais um ponto de venda de drogas na cidade de Bom Jesus nesta sexta-feira (20), na cidade de Bom Jesus.
Na ocorrência os policiais encontraram várias trouxinhas de maconha embaladas para comercialização, pedras de crack e dinheiro fracionado, que estavam de posse de Ronildo Fernandes da Silva, de 28 anos.
O infrator e o material apreendido foram encaminhados a Delegacia de Polícia Civil, para o registro do auto de prisão em flagrante. Ronildo ficou a disposição da Polícia Judiciária.
Casal é preso por tráfico de drogas na zona Norte
AgoraRN - Um casal foi preso na noite desta sexta-feira (20) na Avenida Itapetinga,  zona Norte da capital, por tráfico de drogas. Jamilson Soares da Silva e Alane Galdino dos Santos Reinaldo estavam trafegando pelo bairro a bordo de uma moto preta, quando foram abordados por uma ronda da polícia e descobertos com dois tabletes de maconha.
De acordo com informações da polícia, o homem levava a mulher na garupa da moto. Quando ela desceu, dois pacotes de maconha caíram, sendo um pequeno e um grande, envoltos de um saco plástico. A mulher apanhou a mercadoria rapidamente, imaginando que os policiais não viram, e acabou escondendo dentro do capacete.
Quando os policiais pediram para analisar o conteúdo da embalagem, constataram que se tratavam de dois tabletes da maconha, prensado e outro cortado. Ao serem indagados sobre a origem da droga, o acusado afirmou que se tratavam de remédios, já a mulher confirmou que a mercadoria pertencia a ambos, todavia não informou a origem da mesma.
O casal foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e estão presos na delegacia de plantão da zona Norte. A reportagem do Agora RN conversou com Jamilson Soares, que afirmou ser viciado e que a droga era pra consumo próprio. “Não temos passagens pela polícia. Fomos preso porque estávamos levando 400g de maconha para mim e minha mulher. Desde pequeno sou viciado e só uso pra trabalhar e ir dormir”, declarou.
Polícia prende suspeito de assassinato no bairro do Pajuçara
AgoraRN - Uma equipe da polícia militar prendeu em flagrante João Paulo de Oliveira Soares, conhecido como “Sapão” ou “Boca”, 25 anos, nessa quarta-feira (18) na cidade de Santa Cruz.
O suspeito foi flagranteado pelo crime de porte ilegal de arma durante a festa da Padroeira, em Santa Cruz, quando foi constatado que havia um mandado de prisão preventiva em aberto contra ele, o qual foi cumprido na manhã desta sexta-feira (20) por policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
João Paulo é apontado pela DHPP como o principal suspeito de assassinar a pauladas e pedradas o jovem Francisco Canindé de Barros, no dia 29 de novembro de 2015, no Loteamento Santa Cecília, em Pajuçara, Zona Norte da capital. Ele será encaminhado ao sistema prisional, onde ficará a disposição da justiça.
Polícia prende trio por esquema de desmonte e clonagem de veículos
AgoraRN - Policiais civis da Delegacia na Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (Deprov) prenderam, nessa quinta-feira (19) em São Gonçalo do Amarante, um trio responsável pelo desmonte e esquema de clonagem de veículos. São eles: Iraclan Campos Basílio, 31 anos, Franscisco Guilherme Bezerra, 42, e Franscisco Fernandes Sudário, 46.
O trio foi surpreendido pela polícia enquanto adulterava os sinais identificadores de uma picape GM/Montana, que foi tomada de assalto em Natal, no último dia 10.
Após a clonagem, os indivíduos negociavam o veículo roubado, que passaria a ter as mesmas características de um veículo legalizado, podendo ser utilizado em outras atividades ilícitas.
A casa em que o trio operava, ficava em São Gonçalo do Amarante, e nela havia uma grande quantidade de ferramentas e vasto material destinado à regravação da numeração de chassis e vidros, tais como lixadeiras, pinos de remarcação e ácido.
Também foram apreendidas munições de pistola calibre 380 e máscaras, que apontam para possível participação em assaltos.
As investigações continuarão a fim de identificar eventuais colaboradores do esquema de clonagem, que é alimentado principalmente pelas quadrilhas de roubo a veículos.