segunda-feira, 25 de abril de 2016

Vídeo: Ante a escassez de alimentos, venezuelanos brigam até por cebolas

O Globo - Apesar da negação do governo de Nicolás Maduro, a crise de abastecimento na Venezuela se vê nas ruas. Em um vídeo transmitido pela plataforma VivoPlay, cerca de 20 pessoas aparecem brigando por um saco de cebolas.
Em meio ao desespero, um dos homens flagrado na gravação, tatuado com o rosto de Hugo Chávez, culpa Maduro pela situação:
— Olha como nos estamos matando e éramos chavistas. Maduro, é hora de agir, estamos nos matando por um pedaço de comida.
Os números também ilustram a degradante situação no país. Segundo a ONG Observatório de Saúde, 12% dos venezuelanos não têm acesso às três refeições diárias e "aqueles que têm experimentam uma deterioração da qualidade da dieta".
Em um ato público recentemente, no entanto, Maduro mais uma vez minimizou o problema da escassez.
— Na Venezuela não há fome, passamos por um momento difícil, mas as pessoas têm acesso a seus bens.
Devido à crise econômica, a Assembleia Nacional, controlada por opositores após 15 anos de supremacia chavista, tenta por meios legais destituir Maduro. Assista o vídeo aqui