quarta-feira, 9 de março de 2016

Só agora caiu ficha de Dilma sobre Lava Jato

A presidenta Dilma Rousseff só se convenceu de que a Lava Jato ameaça o seu mandato após a deflagração da última fase da operação, a Aletheia, e a entrevista dos investigadores da força-tarefa que foi dada na última sexta em Curitiba. Até então, julgava, pela ordem, que os atingidos seriam o PT e o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva.
Dilma marcou jantar na noite de terça-feira, (08/03), com Lula a fim de continuar a discutir uma estratégia comum para enfrentar a Lava Jato. O novo diagnóstico presidencial ajuda a explicar os seus últimos gestos (ida a São Bernardo do Campo no sábado) e palavras (nos discursos, subiu o tom em relação à Lava Jato). Por Jonas Mello.