Pular para o conteúdo principal

Impostômetro do RN

RN terá obras de recuperação em mais de 3 mil km de estradas

Portal no Ar - Total das obras representa mais de R$ 300 milhões, entre verbas do Tesouro Estadual, arrecadação da CIDE e recursos do Banco Mundial.
O governador Robinson Faria assinou nesta quinta-feira (17) sete ordens de serviços para a recuperação dos três mil quilômetros da malha viária do Rio Grande do Norte, que representam 100% das estradas sob a responsabilidade do Governo do Estado.
A solenidade realizada na sede do Departamento de Estradas de Rodagem do RN (DER-RN) também inclui a ordem para o início da construção do pontilhão sobre o Rio Doce, na Avenida Doutor João Medeiros Filho, na Zona Norte de Natal, e a abertura do edital de licitação para a restauração completa de 12 estradas, onde serão investidos R$ 280 milhões.
O total das obras representa mais de R$ 300 milhões, entre verbas do Tesouro Estadual, arrecadação da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (CIDE) destravada pelo Governo do Estado e recursos do Banco Mundial.
“Esse dia representa um sonho realizado. A meta do governo é terminar o mandato com toda a malha rodoviária recuperada e entregue para a população”, afirmou Robinson Faria.
Ainda durante seu discurso o governador destacou o trabalho realizado para garantir os recursos para as intervenções na malha viária.
“Chegamos a um momento muito esperado, após uma luta silenciosa. Inúmeras vezes fui a Brasília na busca desses recursos, justamente para responder a um pedido que ouço em todo o estado que é a melhoria das estradas”, relatou Robinson.
Com um investimento de aproximadamente R$ 24 milhões, as ordens de serviços assinadas pelo governador e o diretor-geral do DER-RN, general Jorge Fraxe, fazem parte do projeto de manutenção e recuperação das estradas do RN.
As sete empresas que receberam as ordens ficarão responsáveis, cada uma, por um dos sete distritos rodoviários do estado e farão a manutenção das rodovias do setor por um ano. O planejamento é que o trabalho comece até o fim deste mês de março. O contrato pode ser renovado pelo Governo do Estado por mais quatro anos.
Outra obra que será iniciada ainda este mês é a construção do pontilhão no Rio Doce. Ao custo de R$ 719 mil, a intervenção servirá para trocar a atual estrutura que suporta a via, com tubulações de ferro, por uma espécie de pequena ponte. A edificação está prevista para durar 90 dias.
A solenidade foi acompanhada por prefeitos de várias regiões do estado, além do deputado Dison Lisboa e os secretários Jader Torres (Infraestrutura), Tatiana Mendes Cunha (Gabinete Civil) e Hudson Brito (Relações Institucionais).
Restauração
O projeto que receberá o maior montante de investimentos é o de restauração completa de 12 rodovias do RN, que perfazem 424 quilômetros. O edital de licitação aberto ontem pelo governador Robinson Faria diz respeito a sete trechos, divididos em dois lotes, que passam pelas cidades de Goianinha, Santo Antônio, Touros, Tangará, São José de Campestre, Serra Negra do Norte, Nísia Floresta, Parnamirim, Rui Barbosa e Barcelona. A previsão é de que a licitação para a restauração seja finalizada em 90 dias.
Essas vias serão reconstruídas por completo, por conta da atual situação em que não seria suficiente apenas manutenções e reparos. O DER-RN está na fase de confecção dos projetos executivos das outras vias que serão restauradas, principalmente nas regiões Agreste e Central, dentre elas a RN-118, que liga a região de Assu até Caicó e é uma das vias mais importantes para a economia do estado.
O diretor-geral do DER-RN destacou que o pacote de obras apresentado faz parte de um marco na história do Rio Grande do Norte. “A rodovia é a artéria de qualquer estado. Pelas estradas passam a riqueza, a educação, a saúde e a segurança. E isso que estamos fazendo hoje pela recuperação das estradas não é promessa, é fato. As estradas do estado têm um horizonte iluminado. Foi-se o tempo do abandono, chegou o tempo do trabalho”, pontuou Jorge Fraxe.

Postagens mais visitadas deste blog

ÁUDIO: Capitão Styverson detona a Polícia Civil diz que agentes e delegados são preguiçosos.

O temido capitão da Lei Seca, Styverson Valetim, que faz um excelente trabalho nas blitzes de trânsito, criticou com veemência os integrantes da Polícia Civil em um áudio que circula pelos grupos de WhatsApp. “Meu trabalho funciona, pois só depende de mim. Não sou vinculado à Polícia Militar”, disse Styverson no áudio, fazendo críticas até a corporação que faz parte. Depois detonou a Polícia Civil: “O Policial Civil ganha muito bem e um delegado ganha R$ 23 mil para não fazer nada”. “Já denunciei as delegacias que não querem trabalhar por preguiça”, diz ainda o Capitão Styverson. (HeitorGregório).

Violência no Rio Grande do Norte - 29.05.2016

Casal aborda e da garupa da motocicleta mulher mata jovem no Igapó 190rn - Um homicídio foi registrado neste sábado no bairro de Igapó, vitimando um jovem identificado como Eduardo, conhecido como “Dudu”, que foi vítima de pelo menos quatro disparos de arma de fogo. Segundo informações de populares, a vítima estava em frente a uma residência quando um casal chegou no local em uma motocicleta e a mulher, que estava na garupa, atirou contra ele.
Após ter sido ferido, ele ainda foi socorrido ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos, morrendo na unidade hospitalar. Mototaxista é executado dentro de casa em São Paulo do Potengi 190rn - Um homicídio foi registrado na madrugada deste domingo, na cidade de São Paulo do Potengi vitimando um mototaxista identificado como Paulo Sérgio, mais conhecido na cidade como “Rosinha”. A vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo, quando estava na sua residência e ainda foi socorrido mais não resistiu aos ferimentos, morrendo antes da c…

Mega Fazenda de Lula na Argentina

Segundo o guia dos pescadores a Mega Fazenda pertence ao ex-presidente da República Luiz Inácio LULA da Silva e seu filho Lulinha. Assistam o vídeo e vejam onde o dinheiro do Brasil, do povo brasileiro está indo parar. (jonasmelloradialista)