quinta-feira, 10 de março de 2016

Juiz proíbe Crispiniano Neto de participar de mobilização no domingo

No Minuto - Em resposta ao pedido da promotora Flávia Felícia, do Juizado Especial Criminal, o juiz Agenor Fernandes emitiu sentença proibindo Joaquim Crispiniano Neto de participar da manifestação no domingo em favor ao impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) e obrigando-o a se apresentar no Comando da Polícia Militar.
Decisão se deu a partir de postagens feitas pelo presidente da Fundação José Augusto (FJA) em que ele incitou violência contra imprensa em rede social.
O presidente da Fundação publicou no twitter que “Não se pode esperar um tiro no peito ou uma foto do líder suicidado na cadeia para começar a virar e queimar carros da imprensa golpista”.
O Sindicato das Empresas de Comunicação, Sindicato dos Jornalistas, alguns representantes políticos e empresarias repudiaram, por meio de nota, a atitude do militante petista.