Pular para o conteúdo principal

Impostômetro do RN

Após confusão no trânsito, motorista do Clube Alecrim/RN sofre atentado

Globo Esporte - Tiro atingiu apenas o para-brisa do ônibus e ninguém ficou ferido. Equipe do Alecrim estava de saída para o treinamento, no Estádio Juvenal Lamartine, que foi cancelado
Uma briga de trânsito provocou uma confusão na tarde desta quarta-feira, em frente à sede do Alecrim, na rua dos Caicós, na zona Leste de Natal. De acordo com a Polícia Militar, um motoqueiro foi fechado no trânsito e discutiu com o motorista do ônibus do clube alviverde. Em seguida, o motoqueiro saiu do local e voltou com outra pessoa, que disparou contra o para-brisa do ônibus. Ninguém ficou ferido. Os jogadores já estavam no veículo em direção ao treinamento, marcado para o Estádio Juvenal Lamartine, no bairro de Tirol, mas a atividade foi cancelada.
O motorista fugiu, ninguém foi identificado e houve apenas danos materiais no ônibus. Mas, a PM está no local, realizando diligências na região - disse o major Antônio Marinho, comandante do 1º Batalhão da Polícia Militar, que atende a zona Leste de Natal.
O presidente do Alecrim, Osvaldo Trigueiro, lamentou a confusão e a violência que atormenta os moradores de Natal.
Houve uma confusão de trânsito e um motoqueiro discutiu com o motorista do ônibus do clube e atirou contra ele. Graças a Deus, ninguém ficou ferido e o tiro pegou apenas no ônibus. A equipe estava de saída para ir treinar no estádio Juvenal Lamartine - falou.
O próximo compromisso do Alecrim é contra o Baraúnas, no domingo. O jogo será realizado no Estádio Frasqueirão, com início às 16h20, na preliminar de ABC x Globo FC.

Postagens mais visitadas deste blog

ÁUDIO: Capitão Styverson detona a Polícia Civil diz que agentes e delegados são preguiçosos.

O temido capitão da Lei Seca, Styverson Valetim, que faz um excelente trabalho nas blitzes de trânsito, criticou com veemência os integrantes da Polícia Civil em um áudio que circula pelos grupos de WhatsApp. “Meu trabalho funciona, pois só depende de mim. Não sou vinculado à Polícia Militar”, disse Styverson no áudio, fazendo críticas até a corporação que faz parte. Depois detonou a Polícia Civil: “O Policial Civil ganha muito bem e um delegado ganha R$ 23 mil para não fazer nada”. “Já denunciei as delegacias que não querem trabalhar por preguiça”, diz ainda o Capitão Styverson. (HeitorGregório).

Violência no Rio Grande do Norte - 29.05.2016

Casal aborda e da garupa da motocicleta mulher mata jovem no Igapó 190rn - Um homicídio foi registrado neste sábado no bairro de Igapó, vitimando um jovem identificado como Eduardo, conhecido como “Dudu”, que foi vítima de pelo menos quatro disparos de arma de fogo. Segundo informações de populares, a vítima estava em frente a uma residência quando um casal chegou no local em uma motocicleta e a mulher, que estava na garupa, atirou contra ele.
Após ter sido ferido, ele ainda foi socorrido ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos, morrendo na unidade hospitalar. Mototaxista é executado dentro de casa em São Paulo do Potengi 190rn - Um homicídio foi registrado na madrugada deste domingo, na cidade de São Paulo do Potengi vitimando um mototaxista identificado como Paulo Sérgio, mais conhecido na cidade como “Rosinha”. A vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo, quando estava na sua residência e ainda foi socorrido mais não resistiu aos ferimentos, morrendo antes da c…

Mega Fazenda de Lula na Argentina

Segundo o guia dos pescadores a Mega Fazenda pertence ao ex-presidente da República Luiz Inácio LULA da Silva e seu filho Lulinha. Assistam o vídeo e vejam onde o dinheiro do Brasil, do povo brasileiro está indo parar. (jonasmelloradialista)