quarta-feira, 9 de março de 2016

Após confusão no trânsito, motorista do Clube Alecrim/RN sofre atentado

Globo Esporte - Tiro atingiu apenas o para-brisa do ônibus e ninguém ficou ferido. Equipe do Alecrim estava de saída para o treinamento, no Estádio Juvenal Lamartine, que foi cancelado
Uma briga de trânsito provocou uma confusão na tarde desta quarta-feira, em frente à sede do Alecrim, na rua dos Caicós, na zona Leste de Natal. De acordo com a Polícia Militar, um motoqueiro foi fechado no trânsito e discutiu com o motorista do ônibus do clube alviverde. Em seguida, o motoqueiro saiu do local e voltou com outra pessoa, que disparou contra o para-brisa do ônibus. Ninguém ficou ferido. Os jogadores já estavam no veículo em direção ao treinamento, marcado para o Estádio Juvenal Lamartine, no bairro de Tirol, mas a atividade foi cancelada.
O motorista fugiu, ninguém foi identificado e houve apenas danos materiais no ônibus. Mas, a PM está no local, realizando diligências na região - disse o major Antônio Marinho, comandante do 1º Batalhão da Polícia Militar, que atende a zona Leste de Natal.
O presidente do Alecrim, Osvaldo Trigueiro, lamentou a confusão e a violência que atormenta os moradores de Natal.
Houve uma confusão de trânsito e um motoqueiro discutiu com o motorista do ônibus do clube e atirou contra ele. Graças a Deus, ninguém ficou ferido e o tiro pegou apenas no ônibus. A equipe estava de saída para ir treinar no estádio Juvenal Lamartine - falou.
O próximo compromisso do Alecrim é contra o Baraúnas, no domingo. O jogo será realizado no Estádio Frasqueirão, com início às 16h20, na preliminar de ABC x Globo FC.