Pular para o conteúdo principal

Impostômetro do RN

No RN, Censo para servidores do interior começa dia 15 de fevereiro

G1 RN - O Governo do Rio Grande do Norte inicia no próximo dia 15 a terceira etapa do Censo Cadastral Previdenciário destinada aos servidores ativos, aposentados e pensionistas do interior do Estado. Ao todo, são 16 municípios-polo onde vão acontecer os atendimentos, das 8 às 17h. O recadastramento é obrigatório e realizado de forma presencial. Quem não atualizar os dados previdenciários terá pagamento da remuneração ou provento bloqueado a partir do mês imediatamente posterior ao final do Censo, que se encerra no dia 11 de março.
O recadastramento é um projeto piloto do Ministério da Previdência Social (MPS), financiado com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). No RN, os trabalhos são coordenados pela Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (Searh) e pelo Instituto de Previdência dos Servidores Estaduais (Ipern).
Os 16 municípios onde os servidores poderão realizar o recenseamento são Assu, Angicos, Apodi, Caicó, Ceará-Mirim, Currais Novos, Goianinha, João Câmara, Macau, Mossoró, Nova Cruz, Parnamirim, Pau dos Ferros, Santa Cruz, São Paulo do Potengi e Umarizal. Caso o servidor não resida ou trabalhe em alguma dessas cidades, ele deve realizar o recadastramento no polo mais próximo.
A lista com os locais de atendimento e documentos necessários para o Censo está disponível na internet. O servidor ativo, aposentado ou pensionista que não levar a documentação completa, inclusive a de seus dependentes caso possua, não poderá realizar o recadastramento.
Os servidores ativos, aposentados e pensionistas de Natal e São Gonçalo do Amarante, que foram convocados na primeira e na segunda fase do Censo Previdenciário, mas que ainda não compareceram aos locais de atendimento, podem continuar a fazer o recadastramento até 11 de março, sem prejuízo para qualquer servidor. O atendimento será feito no auditório da Searh, também das 8 às 17h.

Postagens mais visitadas deste blog

ÁUDIO: Capitão Styverson detona a Polícia Civil diz que agentes e delegados são preguiçosos.

O temido capitão da Lei Seca, Styverson Valetim, que faz um excelente trabalho nas blitzes de trânsito, criticou com veemência os integrantes da Polícia Civil em um áudio que circula pelos grupos de WhatsApp. “Meu trabalho funciona, pois só depende de mim. Não sou vinculado à Polícia Militar”, disse Styverson no áudio, fazendo críticas até a corporação que faz parte. Depois detonou a Polícia Civil: “O Policial Civil ganha muito bem e um delegado ganha R$ 23 mil para não fazer nada”. “Já denunciei as delegacias que não querem trabalhar por preguiça”, diz ainda o Capitão Styverson. (HeitorGregório).

Violência no Rio Grande do Norte - 29.05.2016

Casal aborda e da garupa da motocicleta mulher mata jovem no Igapó 190rn - Um homicídio foi registrado neste sábado no bairro de Igapó, vitimando um jovem identificado como Eduardo, conhecido como “Dudu”, que foi vítima de pelo menos quatro disparos de arma de fogo. Segundo informações de populares, a vítima estava em frente a uma residência quando um casal chegou no local em uma motocicleta e a mulher, que estava na garupa, atirou contra ele.
Após ter sido ferido, ele ainda foi socorrido ao Hospital Santa Catarina, mas não resistiu aos ferimentos, morrendo na unidade hospitalar. Mototaxista é executado dentro de casa em São Paulo do Potengi 190rn - Um homicídio foi registrado na madrugada deste domingo, na cidade de São Paulo do Potengi vitimando um mototaxista identificado como Paulo Sérgio, mais conhecido na cidade como “Rosinha”. A vítima foi alvejada por disparos de arma de fogo, quando estava na sua residência e ainda foi socorrido mais não resistiu aos ferimentos, morrendo antes da c…

Mega Fazenda de Lula na Argentina

Segundo o guia dos pescadores a Mega Fazenda pertence ao ex-presidente da República Luiz Inácio LULA da Silva e seu filho Lulinha. Assistam o vídeo e vejam onde o dinheiro do Brasil, do povo brasileiro está indo parar. (jonasmelloradialista)