quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Filho da ex-procuradora-geral da Assembleia vai fazer delação premiada e detalhar esquema de corrupção no IDEMA

Blog Heitor Gregório publicou na última segunda-feira (15) informações acerca do depoimento marcado para esta semana de Gutson Johnson Giovany Reinaldo Bezerra, preso desde o dia 02 de setembro de 2015, na Operação Candeeiro, deflagrada para investigar o desvio de mais de R$ 19 milhões do IDEMA.
Ele é filho da ex-procuradora-geral da Assembleia Legislativa, Rita das Mercês, que também foi presa em 2015 sob acusação de envolvimento na Operação Dama de Espadas, que investiga supostos desvios dos cofres da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, que passam de R$ 5,5 milhões, entre 2006 e 2011, período em que o atual governador Robinson Faria (PSD) presidia o Legislativo.
Em contato com o portal G1RN, o advogado Fábio Hollanda, responsável pela defesa de Gutson, revelou a proposta já feita ao Ministério Público de uma delação premiada: “Nós queremos e estamos dispostos a negociar uma delação premiada. Meu cliente sabe de muita coisa. Sabe como funcionava todo o esquema dentro do Idema. Mas ele só irá revelar, obviamente, se houver esse acordo de delação premiada. A partir de agora, só depende do Ministério Público”.
Alguns setores dos meios políticos estão fervendo.