terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Paraíba reforça fronteira com RN para evitar entrada de fugitivos

A Polícia Militar da Paraíba emitiu um alerta para reforçar a segurança nas cidades que fazem divisa com o Rio Grande do Norte em virtude da fuga de 46 presos da Cadeia Pública de Natal, ocorrida na madrugada desta terça-feira (12), a maior do sistema prisional potiguar.
Segundo informações do Portal Correio, o secretário de Segurança Pública da Paraíba, Claudio Lima, entrou em contato com a secretária estadual da Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte, Kalina Leite, pedindo detalhes da fuga e fotos dos presos. Lima disse ainda que todo o efetivo da Polícia Militar das 33 cidades que fazem divisa com o RN já foi orientado sobre o reforço na fronteira.
Barreiras policiais foram montadas em municípios como Jacaraú e Marcação, no litoral, e Patos, São José de Espinharas, São Mamede, Várzea, São Jose do Sabugi e Junco do Seridó, no sertão. Segundo a PM paraibana, ônibus e carros de passeio estão sendo parados e revistados.
Recorde negativo
Ao todo, 46 detentos escaparam da Cadeia Pública Raimundo Nonato de Natal, na zona Norte, durante a madrugada desta terça-feira (12). De acordo com a direção da unidade, sete presos foram recapturados ainda durante a fuga. Até a fuga desta madrugada, a unidade prisional custodiava 430 detentos. Ou seja, 10% dos presos conseguiram escapar da cadeia.
Os presidiários cavaram um túnel de aproximadamente 50 metros a partir do Pavilhão B da unidade até o Complexo Penal João Chaves, que custodia presos em liberdade provisória, que fica no prédio ao lado.(Novo Jornal)