terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Mulher de 18 anos presa por morte de Gizela Mousinho confessou crime

PortalBO - Os dois suspeitos presos pela morte de Gizela Mousinho Paiva da Silva, de 43 anos, tiveram os nomes e fotos reveladas pela Polícia Civil, na manhã desta segunda-feira (11). Os jovens, um homem e uma mulher, foram presos por policiais da Delegacia de Homicídios. A mulher presa confessou o crime e, inclusive, que foi a autora dos disparos.
Os dois presos foram identificados como Jully Shayonara Alves de Oliveira, de 18 anos, e Wagner Almeida do Nascimento. De acordo com o delegado Ben-Hur Cirino de Medeiros, da Dehom, Jully confessou o crime e, inclusive, relatou que ela teria sido a autora dos disparos contra Gizela.
Além disso, Jully já foi presa por roubo e responde por esse crime. O comparsa dela preso trabalhava em um lava jato. Ele teria sido o responsável por dirigir o carro durante o assalto. Os policiais da Delegacia de Homicídios também identificaram uma menor de idade como participe do crime, mas ela ainda não foi localizada. Gizela Mousinho foi assassinada no dia 2 de janeiro deste ano, durante um assalto no bairro de Lagoa Nova. Ela tentava retirar a filha de dentro do carro que estava sendo roubado, quando foi baleada. VEJA VÍDEO DA JOVEM FALANDO SOBRE O CRIME: