terça-feira, 30 de novembro de 2010

A Câmara de Vereadores de Santo Antônio Concede Títulos de Cidadania

Inauguração da Ala de Gabinetes Vereador Francisco Canindé Fagundes, Preposição da Vereadora Goret Orrico
Homenageados e Convidados

A Câmara de Vereadores de Santo Antônio realizou ontem (30) uma Sessão Solene para Homenagear personalidades que se destacaram pelos serviços prestados em favor do desenvolvimento do município.
No evento 30 pessoas foram homenageados - 21 receberam Títulos de Cidadania e nove São familiares do Vereador (em memória) Francisco Canindé Fagundes que foi inaugurada Ala de Gabinetes em sua homenagem.

Proposição da Vereadora Eliete Recebe o Título de Cidadão o Ex-Prefeito Edan Bezerra de Oliveira
Proposição do Vereador Dedé Camilo Recebe o Título de Cidadão o Empresário Marlon José B. Pessoa
Proposição do Vereador Dedé Camilo Recebe o Título de Cidadão o Vereador Arnaldo Gomes Reinaldo, representado pelo o Sr. José Cícero
Proposição do Vereador Nélio Recebe o Título de Cidadão o Dr. Estácio Rubinstem de Medeiros Costa
Proposição do Vereador Nélio Recebe o Título de Cidadão o Sr. Manoel José Guilherme Dantas
Proposição do Vereador Nélio Recebe o Título de Cidadão o Vereador João Maria Perreira
Proposição do Vereador João Maria Recebe o Título de Cidadão Dr. José Carlos de Oliveira
Proposição do Vereador João Maria Recebe o Título de Cidadão Roldofo José de Vasconcelos
Proposição do Vereador João Maria Recebe o Título de cidadão o Sr. José Domingos Rodrigues
Proposição do Vereador João Maria Recebe o Título de Cidadão Paulo Duarte da Silva
Proposição da Vereadora Detinha Recebe o Títulos de Cidadão a Srª. Irene Alves da Costa Dutra e o Sr. José Antônio Dutra
Proposição da Vereadora Detinha Recebe o Título de Cidadão a Srª. Ayana Karine da Silva Pessoa
Proposição da Vereadora Goret Orrico Recebe o Título de Cidadão o Sr. Joaõ Dantas de Lima
Proposição da Vereadora Goret Orrico Recebe o Título de Cidadão José Miguel de Oliveira Neto
Proposição da Vereadora Goret Orrico Recebe o Título de Cidadão Josué Perreira Gomes
Proposição da Vereadora Goret Orrico Recebe o Título de Cidadão o Sr. Osias da Silva Pessoa
Proposição da Vereadora Goret Orrico Recebe o Título de Cidadão a Professora Roseli Aparecida Perreira da Silva
Proposição da Vereadora Goret Orrico Recebe o Título de Cidadão a Sr. Maria Umbelina de Lima
Proposição da Vereadora Goret Orrico Recebe o Título de Cidadão o Professor Elivaldo Rodrigues Justino
Proposição da Vereadora Goret Orrico Recebe o Título de Cidadão o Deputado Estadual Fernando Wanderley Vargas Silva

Projeto de inclusão digital para idosos e deficientes da Fundação CPqD recebe prêmio internacional

Da Agência Brasil

14:13
30/11/2010

Brasília – O projeto Soluções de Telecomunicações para Inclusão Digital (Stid), desenvolvido pela Fundação Centro de Pesquisas e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD) e financiado com recursos do Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações (Funttel), foi um dos ganhadores do Prêmio Frida/eLAC 2010.

A premiação elege projetos de pesquisa ou inovação que tenham contribuído para o avanço da sociedade da informação na América Latina e no Caribe. O projeto Stid foi premiado na categoria infraestrutura e acesso e recebeu também o prêmio ouro por ter sido escolhido como um dos destaques do Frida/eLAC 2010.

Executado de 2005 a 2009, o Stid desenvolveu soluções voltadas para a inclusão digital de pessoas com dificuldades para interagir com o computador, como idosos, deficientes auditivos e visuais e, ainda, pessoas semianalfabetas e até analfabetas. O projeto recebeu R$ 24 milhões do Funttel.

Um dos resultados do projeto, que envolveu uma equipe de aproximadamente 60 pessoas, é um modelo de interação para interfaces web com foco em serviços de governo eletrônico (e-gov). Além de interfaces inclusivas voltadas para o público-alvo, foram desenvolvidos dois serviços de governo eletrônico: o Inclua Saúde, que permite agendar consultas médicas por meio do computador ligado à internet, e o Previdência Fácil, com informações sobre aposentadoria.

Esses serviços foram instalados nos telecentros das cidades-teste e permitiram avaliar o processo de inclusão digital por meio de serviços de e-gov e interfaces inclusivas.


Edição: Lana Cristina

No mundo, 370 mil bebês nascem com o vírus HIV; Unicef recomenda mais empenho no combate à aids

17:53
30/11/2010

Carolina Pimentel
da Agência Brasil

Brasília – É possível uma geração de crianças viver sem o vírus HIV se a comunidade internacional intensificar os esforços para o acesso universal à prevenção e ao tratamento contra a doença. É o que aponta relatório do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), divulgado hoje (30), em Nova York, véspera do Dia Mundial de Luta Contra a Aids.

Segundo a Unicef, apesar dos avanços dos programas antiaids, milhões de crianças e mulheres ainda são excluídos dessas ações por causa de questões de gênero, da condição econômica, da localização geográfica, do nível educacional e do status social.

A cada ano, no mundo, cerca de 370 mil bebês nascem com o vírus HIV transmitido pela mãe, sendo a maioria na África. A aids é a principal causa de morte de mulheres em idade fértil no mundo e uma das responsáveis pela mortalidade materna nos países com epidemia de aids, de acordo com a Unicef. Na África Subsaariana, 9% da mortalidade materna são atribuídos à doença.

O relatório constatou que 53% das grávidas com o vírus HIV tomaram antirretrovirais para prevenir a transmissão vertical (de mãe para o feto) em 2009. Em 2008, esse índice foi de 45%. O acesso aos remédios cresceu no Leste e no Sul da África, onde o percentual de acesso subiu de 58%, em 2008, para 68%, em 2009.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou, este ano, novas orientações para o tratamento de gestantes e crianças portadoras do vírus, com o intuito de ampliar o acesso aos antirretrovirais a esses grupos.

Edição: Lana Cristina

Eleição deixa rombo de R$ 9,6 milhões a Serra

Agência Estado | 30/11/2010 09:48

O tesoureiro de Serra, José Gregori, afirmou que se o prazo fosse prorrogado em 15 a 20 dias as contas fechariam

A campanha do tucano José Serra à Presidência deve deixar uma dívida de R$ 9,6 milhões para o partido. O tesoureiro José Gregori afirmou ontem que a contabilidade a ser entregue hoje ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deve indicar que as receitas somaram R$ 120 milhões ante despesas de R$ 129,6 milhões. "Infelizmente, não estamos conseguindo empatar o custo com a receita", afirmou Gregori.

Além de Serra, a presidente eleita, Dilma Rousseff (PT), e os políticos que disputaram o segundo turno para os governos estaduais e do Distrito Federal terão de encaminhar hoje suas contabilidades à Justiça Eleitoral. Os 16.683 políticos que disputaram apenas o primeiro turno gastaram R$ 2,77 bilhões na campanha, conforme dados divulgados ontem pelo TSE.


No caso de Serra, segundo Gregori, se o prazo fosse prorrogado em 15 a 20 dias as contas fechariam. "Embora não se tenha dúvida de que a diferença não coberta vai ser paga, era preciso de mais 15 a 20 dias para entrar essa receita", disse. "Na realidade objetiva, não é um débito. São restos a pagar que estariam cobertos por receitas prometidas se o prazo (para a prestação de contas) não fosse nesta terça à meia-noite", afirmou. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Campanha de Dilma deixa dívida de R$ 27,7 mi

Ricardo Galhardo, iG São Paulo | 30/11/2010 15:13

Segundo o tesoureiro da campanha, José de Filippi Jr., a realização do segundo turno foi a principal causa do prejuízo

A campanha da presidenta eleita, Dilma Rousseff, deixou um prejuízo de R$ 27,7 milhões. A dívida será assumida pelo PT que terá um prazo de 12 meses para saldar os compromissos. Segundo o tesoureiro da campanha, José de Filippi Jr., a realização do segundo turno foi a principal causa do prejuízo.

Segundo ele, a campanha de Dilma contabilizou gastos de R$ 1,76,5 milhões e arrecadação de quase R$ 149 milhões. O saldo devedor é de aproximadamente 15% do total. Na campanha de 2006, o presidente Luiz Inácio da Silva gastou R$ 106 milhões e deixou uma dívida de R$ 11 milhões (também assumida pelo PT), cerca de 10%.

Os números mostram que a campanha de Dilma não estava preparada para enfrentar o segundo turno. Na primeira rodada foram gastos quase R$ 100 milhões e arrecadado praticamente o mesmo valor. Já no segundo turno, a candidata gastou R$ 77 milhões e arrecadou menos de R$ 50 milhões.

Um dos motivos para o prejuízo foi o fato de a eleição ter acabado no primeiro turno nos principais Estados. Por isso, a campanha de Dilma teve que assumir os gastos nos locais onde não havia mais disputa.

“No segundo turno tivemos que fazer campanha no Brasil inteiro, inclusive nos Estados mais populosos, onde a eleição acabou no primeiro turno, e tivemos só três semanas para arrecadar”, disse Filippi ao iG.

O maior doador foi o diretório nacional do PT. Outros grandes doadores foram o banco Itaú, Grupo Friboi, CSN e as construtoras OAS e Camargo Corrêa.

A campanha de arrecadação pela internet ficou aquém da expectativa. No total, 3,5 mil eleitores doaram R$ 180 mil pela internet. A implantação do sistema custou mais de R$ 3 milhões.

ultimosegundo.ig.com.br

Polícia encontra túnel no Complexo do Alemão, no Rio

30/11/2010 - 2 horas, 49 minutos atrás






Foto: Divulgação: Policiais civis encontraram no início da tarde desta terça (30) um túnel da rede pluvial...








Policiais civis encontraram no início da tarde desta terça (30) um túnel da rede pluvial com 400 metros de comprimento no Complexo do Alemão, na zona norte do Rio de Janeiro. A escavação, com início na Rua Joaquim de Queiroz, em frente a uma creche, tem saída para à Rua Arapá. Moradores da comunidade informaram que traficantes teriam usado o túnel para fugir durante as operações policiais na região. Os agentes continuam no local à procura de armas e drogas.

A estratégia da polícia agora é lançar bombas de gás lacrimogêneo dentro das galerias pluviais no conjunto de favelas do Alemão para fazer com que bandidos que porventura ainda estejam escondidos sejam obrigados a sair.

"Vamos fazer isso para ver se ainda há pessoas no local. Não chegamos a confirmar se bandidos tenham fugido desta forma", informou o chefe do Estado Maior da PM, coronel Álvaro Rodrigues Garcia. Segundo ele, após a liberação do gás, a PM vai pedir o fechamento de todas as entradas das galerias pluviais.

Apreensões
No início da manhã desta terça, foram apreendidas armas e drogas dentro de um caminhão da Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb), nas imediações do Complexo do Alemão. Os agentes abordaram o motorista do veículo, que disse ter sido obrigado por traficantes a retirar o material ilegal que estava na comunidade.

Segundo balanço parcial divulgado, até o meio-dia foram apreendidos dois fuzis, uma submetralhadora MT12 9 milímetros, uma espingarda calibre 12, uma carabina Puma calibre 38, uma espada, dois carregadores de pistola, um carregador de fuzil Ruger e um carregador de fuzil calibre 556.

Também foram apreendidos 638 quilos de maconha e 205 trouxinhas da droga, três quilos de cocaína e 4.391 papelotes, além de 260 ampolas de lança-perfume. Segundo balanço da PM, 103 veículos foram incendiados desde domingo.

Agência Estado

Olimpíada da Língua Portuguesa premia 20 alunos da rede pública

Agência Brasil | 30/11/2010 10:19

Premiação ocorreu em Brasília nesta segunda-feira. Estudantes e seus professores receberam medalhas e computadores

Vinte estudantes de escolas públicas de 12 estados foram premiados nesta segunda-feira na etapa final da Olimpíada da Língua Portuguesa Escrevendo o Futuro. O concurso teve a participação de 239 mil professores e 7 milhões de alunos do 5° ano do ensino fundamental ao 3° ano do ensino médio. Os 152 finalistas participaram da solenidade de entrega do prêmio, em Brasília.

O projeto é uma iniciativa da Fundação Itaú Social e do Ministério da Educação. O objetivo é estimular o estudo da língua portuguesa e melhorar as habilidade de leitura e escrita dos estudantes brasileiros. Os educadores inscritos participaram de cursos presenciais e receberam material específico para desenvolver as atividades da olimpíada com seus alunos.

Durante a cerimônia, o ministro da Educação, Fernando Haddad, disse que enviará uma minuta de decreto para a Casa Civil a fim de “institucionalizar” a olimpíada.“Políticas desse tipo não podem ser de governo, mas do Estado”, defendeu.

Os estudantes e seus professores receberam as medalhas das mãos do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. Eles concorreram em quatro categorias, de acordo com a série: poema (5° e 6° ano do ensino fundamental), memórias literárias (7° e 8° ano do ensino fundamental), crônica (9° ano do fundamental e 1° ano do ensino médio) e artigo de opinião (2° e 3° ano do ensino médio).

Foram escolhidos cinco vencedores em cada modalidade de texto. Um deles foi Rossana Dias Costa, de Pedra Lavrada (PB). Aos 17 anos, ela está grávida e espera para janeiro o nascimento de uma menina. A gravidez não atrapalhou que ela dedicasse horas a mais ao estudo até passar pelas quatro seletivas – escolar, municipal, estadual e regional. O texto que Rossana Dias escreveu aborda os problemas ambientais causados por uma empresa mineradora instalada na cidade onde ela mora. A empresa é a principal empregadora da maioria da população.

“Logo que a professora chegou com a ideia de participar eu me empolguei porque gosto de escrever. Fui melhorando o texto, reescrevendo até chegar à etapa regional. Muitas pessoas não acreditavam que eu tinha escrito o texto e disseram que eu ia passar vergonha”, disse.

A jovem quer cursar letras ou farmácia e espera que possa servir de exemplo para outras meninas que são mães ainda adolescentes. “Meu maior orgulho é mostrar para essas meninas que estão na mesma condição e desistem de estudar que mesmo com dificuldades a gente consegue”, afirmou.

Os 20 vencedores e seus professores receberam medalhas de ouro e computadores. As escolas onde eles estudam serão equipadas com laboratórios de informática e livros para a biblioteca. Os 500 semifinalistas ganharão medalhas de bronze e uma coleção de livros.

Aluno Categoria Escola Cidade
Fábio Henrique Silva Anjos Poema EMEF Frei Antônio Sant'Ana Galvão São Paulo (SP)
Pâmela Aparecida de Oliveira Poema Escola Municipal Napoleão Volpe São Sebastião do Paraíso (MG)
Alexsandro Matheus de Queiroz Sobrinho Poema Escola Estadual Tarcísio Maia Pau dos Ferros (RB)
Luan Florêncio de Morais Poema Escola Municipal Nova Friburgo Cidade Ocidental (GO)
Beatriz Sayuri Yoshida Poema Escola Municipal João Paulo II Arapongas (PR)
Eduarda Moura Pinheiro Memórias Escola Francisca Rita de Cássia Lima Pinto Cruzeiro do Sul (AC)
Daniele Oliveira Cunha Memórias Escola Estadual Reunidas Castro Alves Juquiriçá (BA)
Cícero Augusto Carvalho Abreu Memórias Escola de 1º grau Dr. Pedro N. Brito Graça (CE)
Saionara Aparecida Memórias EEEFM Irineu Morello Governador Lindenberg (ES)
Priscilla N. Silva Memórias Colégio Municipal Arceburguense Arceburgo (MG)
Ericles da Silva Santos Crônica Escola Municipal Vereador João Prado Jaraparatuba (SE)
Caroline de Farias Couto da Silva Crônica I.F.D.A. Valença (BA)
Gabriel Batista da Silva Crônica Escola Municipal Crispim Bias Fortes Barbacena (MG)
Sara Viviane Almeida de Oliveira Crônica Escola Estadual Tarcísio Maia Pau dos Ferros (RN)
Luana Jaques Santos Crônica Escola Estadual Cel. Xavier Chaves Coronel Xavier Chaves (MG)
Rossana Dias Costa Opinião EEEM Graciliano Fontini Lordão Pedra Lavrada (PB)
Mateus Albuquerque de Sousa Opinião Escola Craveiro Costa Cruzeiro do Sul (AC)
Márcia Santiago dos Santos Opinião E.E.E.B Manoel Lúcio da Silva Arapiraca (AL)
Thairiny Cristiane Ribeiro Opinião Coltil

Limeira (SP)

Bianca Sousa Soares Opinião CEJA Filostro Machado Carneiro Caldas Novas (GO)
Ministério da Educação

A professora Elisângela de Araújo, de Cruzeiro do Sul (AC), teve uma comemoração dupla: dois de seus alunos foram premiados, um na categoria memória e outro na modalidade artigo de opinião. Ela trabalha em duas escolas da cidade – uma estadual e outra municipal – e conseguiu trazer dois estudantes para a final.

“O segredo é trabalho, não tem feriado nem fim de semana, mas as oficinas para fazer. Os alunos pensavam que nunca iam ganhar uma competição nacional, por isso você tem que estar constantemente incentivando”, conta. Ela espera que a experiência sirva de estímulo para os outros professores do município.

Exportando conhecimento

Durante a cerimônia, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que o Brasil está se preparando para que, em uma década, deixe de exportar apenas matérias primas, como minério de ferro e soja, e passe a exportar conhecimento. Em tom de conselho aos jovens, Lula ressaltou que estudar hoje trará mais facilidade no futuro para os jovens.

“Não há espaço na vida de um jovem para desanimar. Vocês estão começando a vida agora e têm que aproveitar esse momento para estudar. Vão perceber como isso vai facilitar a vida de vocês daqui a dez anos. O Brasil não vai continuar exportando minério e soja. Vamos querer exportar conhecimento”, disse presidente. Lula afirmou que a presidenta eleita, Dilma Rousseff, dará continuidade aos programas desenvolvidos na área de educação.

Ao lembrar os programas lançados em sua gestão na área de educação, como o ProUni e o Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni), além das mudanças feitas no Programa de Financiamento Estudantil (Fies), Lula disse que o país está "corrigindo desigualdades" na área educacional.

Cardeal Paulo Evaristo Arns celebra 65 anos de ordenação sacerdotal

.- Em uma celebração eucarística na Catedral da Sé em São Paulo, 25 bispos e mais de uma centena de sacerdotes se reuniram para celebrar os 65 anos de ordenação sacerdotal do arcebispo emérito de São Paulo, o cardeal Dom Paulo Evaristo Arns. A cerimônia foi presidida pelo arcebispo de São Paulo, o cardeal Odilo Pedro Scherer.

Segundo a infromação divulgada pela CNBB, o Papa Bento XVI enviou uma mensagem de congratulação ao cardeal brasileiro e destacou os 28 anos em que Dom Paulo esteve à frente da Arquidiocese. O papa manifestou “gratidão eclesial pela sua vida de doação com Cristo à humanidade e com votos de poder consumá-la até ao fim na alegria, serenidade e confiança do Amor divino”.

“Quero expressar a alegria de toda a nossa Arquidiocese pelo dom de sua vida”, disse Dom Odilo ao saudar o cardeal Arns.
Dom Odilo também presenteou o cardeal Arns com uma imagem do apóstolo São Paulo.

Na ocasião Dom Paulo agradeceu pela homenagem e também relembrou os primeiros 20 anos de ministério na Ordem dos Frades Menores (franciscanos), à qual pertence, recordando que “o padre deve conduzir os cristãos para a verdadeira meta, que é o encontro com Cristo, com o irmão, com o amor que não acaba”.

O cardeal Arns ficou conhecido pelo seu apoio à teologia da libertação e às comunidades eclesiais de base durante seu ministério episcopal. Ele foi sucedido no governo da arquidiocese pelo Cardeal Claudio Hummes em 1998.
acidigital

200 milhões de cristãos são perseguidos no mundo

.- O Relatório 2010 sobre a liberdade religiosa no mundo, elaborado pela organização internacional com sede na Alemanha, Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), uma verdadeira radiografia do estado da liberdade religiosa em 194 países do mundo, foi apresentado, como se faz a cada dois anos, esta semana em Roma.

O relatório chega à conclusão de que quase 400 milhões de fiéis no mundo são discriminados ou perseguidos por sua religião, dos quais 200 milhões são cristãos. Em 23 de novembro o relatório da AIS foi apresentado em Madrid.

O relatório indica que na Europa, os católicos não são perseguidos embora sejam objeto de deboche e gozação. Do anterior relatório, a situação não melhorou, conforme põe de manifesto esta benemérita organização que oferece ajuda a cristãos de todo o mundo, em projetos de apoio a Igrejas locais, como bolsas de estudo para sacerdotes, apóio à construção de igrejas, tradução de livros, etc.

AIS sustenta que a tendência crescente à perseguição e discriminação pela religião que se professa se deve tanto à radicalização do mundo islâmico, como à “cristãofobia”, e à facilidade com que se ridiculariza a Igreja em alguns países desenvolvidos.

Ao apresentar o relatório, Javier Menéndez Ros, diretor da AIS na Espanha, e o missionário salesiano no Paquistão, Miguel Angel Ruiz, citaram o que disse Bento XVI na véspera da beatificação do Cardeal Newman: "Em nosso tempo, o preço que deverá ser pago pela fidelidade ao Evangelho já não é ser enforcado ou esquartejado, mas sim freqüentemente implica ser excluído, ridicularizado e objeto de deboche".

O relatório analisa a situação em 194 países, com problemas em uns noventa, entre eles vários dos mais povoados do mundo: China, Índia, Indonésia, Rússia e Paquistão. A piora da situação, conforme sublinhou Menéndez, deve-se especialmente a uma maior radicalização no âmbito muçulmano, com maior fanatismo, intolerância e vexames sofridos por praticantes de outras religiões.

Os países onde maiores violações à liberdade religiosa são produzidas são a Arábia Saudita, Bangladesh, Egito, Índia, China, Uzbequistão, Eritréia, Nigéria, Vietnam, Iêmen e Coréia do Norte.

Menéndez sublinhou que "onde não existe a liberdade religiosa não existe a liberdade democrática", e recalcou "a obrigação de qualquer ser humano de respeitar o direito ao culto, a evangelizar e a viver de acordo com sua fé".

No Egito está em vigência uma lei de liberdade religiosa mas os cristãos sofrem discriminações e ataques, segundo AIS, permitidos pelo governo de Hosni Mubarak.

acidigital

Santo do dia - Santo André Apóstolo

30 de Novembro

Santo André Apóstolo Hoje a Igreja está em festa, pois celebramos a vida de um escolhido do Senhor para pertencer ao número dos Apóstolos.

Santo André nasceu em Betsaida, no tempo de Jesus, e de início foi discípulo de João Batista até que aproximou-se do Cordeiro de Deus e com São João, começou a segui-lo, por isso André é reconhecido pela Liturgia como o "protocleto", ou seja, o primeiro chamado: "Primeiro a escutar o apelo, ao Mestre, Pedro conduzes; possamos ao céu chegar, guiados por tuas luzes!"

Santo André se expressa no Evangelho como "ponte do Salvador", porque é ele que se colocou entre seu irmão Simão Pedro e Jesus; entre o menino do milagre da multiplicação dos pães e Cristo; e, por fim, entre os gentios (gregos) e Jesus Cristo. Conta-nos a Tradição que depois do Batismo no Espírito Santo em Pentecostes, Santo André teria ido pregar o Evangelho na região dos mares Cáspio e Negro.

Apóstolo da coragem e alegria, Santo André foi fundador das igrejas na Acaia, onde testemunhou Jesus com o seu próprio sangue, já que foi martirizado numa cruz em forma de X, a qual recebeu do santo este elogio: "Salve Santa Cruz, tão desejada, tão amada. Tira-me do meio dos homens e entrega-me ao meu Mestre e Senhor, para que eu de ti receba o que por ti me salvou!"

Santo André Apóstolo, rogai por nós!
canção nova

30 de Novembro - Dia do Estatuto da Terra

O Estatuto da Terra foi criado pela lei 4.504, de 30-11-1964, sendo portanto uma obra do regime militar que acabava de ser instalado no país através do golpe militar de 31-3-1964.

Sua criação estará intimamente ligada ao clima de insatisfação reinante no meio rural brasileiro e ao temor do governo e da elite conservadora pela eclosão de uma revolução camponesa. Afinal, os espectros da Revolução Cubana (1959) e da implantação de reformas agrárias em vários países da América Latina (México, Bolívia, etc.) estavam presentes e bem vivos na memória dos governantes e das elites.

As lutas camponesas no Brasil começaram a se organizar desde a década de 1950, com o surgimento de organizações e ligas camponesas, de sindicatos rurais e com atuação da Igreja Católica e do Partido Comunista Brasileiro. O movimento em prol de maior justiça social no campo e da reforma agrária generalizou-se no meio rural do país e assumiu grandes proporções no início da década de 1960.

No entanto, esse movimento foi praticamente aniquilado pelo regime militar instalado em 1964. A criação do Estatuto da Terra e a promessa de uma reforma agrária foi a estratégia utilizada pelos governantes para apaziguar, os camponeses e tranqüilizar os grandes proprietários de terra.

As metas estabelecidas pelo Estatuto da Terra eram basicamente duas: a execução de uma reforma agrária e o desenvolvimento da agricultura. Três décadas depois, podemos constatar que a primeira meta ficou apenas no papel, enquanto a segunda recebeu grande atenção do governo, principalmente no que diz respeito ao desenvolvimento capitalista ou empresarial da agricultura.

Marcos A. Coelho – "Geografia do Brasil"

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Abertura da Festa da Padroeira


Hasteamento da Bandeira, Padre Aldelson, Padre Xavier e Vereador Dedé Camilo
Missa campal
Fieis recebendo a Comunhão
Chegada da carreata com a imagem de nossa Senhora do Distrito de Redenção

Foto do dia: vendo dobrado

National Geographic | 29/11/2010 12:52

Foto: National Geographic

Urso polar mergulha no gelado mar do Ártico para caçar suas presas

A água gelada serve como espelho durante o mergulho do urso polar -- essa tática é bastante usada para surpreender suas vítimas. Os cientistas temem que o aquecimento global pode levar à extinção da espécie até o fim deste século.

ultimosegundo

Imagens da segunda-feira

iG São Paulo | 29/11/2010 12:51

Neve na Europa, protestos na Coreia do Sul, conflito do Afeganistão e mais...

Foto: AP
Militar dos EUA prepara aparato de espionagem para voar sobre distrito de Panjwai, na Província de Kandahar

Foto: AFP
Soldados dos EUA explodem muro em complexo ao redor do campo Kop Ahmed perto da cidade de Kandahar, Afeganistão

Foto: AP
Membros da Federação pela Liberdade da Coreia participam de manifestação contra ataque norte-coreano em Seul
Foto: AP
Funcionário eleitoral espera atrás de urnas para começar contagem de votos em Porto Príncipe, capital do Haiti (28/11/2010)
Foto: AP
Cambói monta em cavalo enquanto compete em rodeio em Escobar, Argentina
Foto: AFP
Operários do aço lidam trabalham em Islamabad, Paquistão
Foto: AFP
Homem corre através de rua enquanto a primeira neve da estação cobre Estocolmo, Suécia Foto: AFP
Pessoas caminham na neve que cobre o jardim de Pepiniere, em Nancy, nordeste da França
Foto: AE
Polícia Civil recupera a caminhonete usada pelos traficantes para fugir da Vila Cruzeiro, Rio de Janeiro

Censo 2010 indica crescimento populacional de 14% no RN

29 de Novembro de 2010 às 13:45

Após cerca de quatro meses de trabalho de coleta e supervisão, durante os quais trabalharam 230 mil pessoas, sendo 191 mil recenseadores, o resultado do Censo 2010 indica um crescimento de 14,09% da população do Rio Grande do Norte em relação à década passada. Foi constatado que, atualmente, o estado tem 3.168.133 habitantes.
Alex Régis













Censo 2010 constatou que o Rio Grande do Norte possui, atualmente, 3.168.133 habitantes.

Por outro lado, 1.520 municípios registraram população inferior à existente em 2000. O município de Severiano Melo foi o que registrou a terceira maior queda populacional do país. A pesquisa revelou que o município do Alto Oeste teve uma queda de 45,63% e agora tem 5752 habitantes, enquanto no ano 2000 era 10.579.

A região Nordeste teve um crescimento populacional de 11,18%. A segunda região mais populosa do Brasil agora tem 59.078.137 habitantes. O estado nordestino que teve maior crescimento populacional foi o Maranhão com 16,25% em relação ao ano 2000.

A pesquisa também revelou um aumento de 12,3% da população brasileira, que tem 190.732.694 pessoas em 1º de agosto, data de referência. A região sudeste continua sendo a mais populosa com uma população de 80.353.742 pessoas.

No entanto, o Norte foi a região que teve o maior crescimento populacional, com 22,98%. Destaque para o Amapá, que indicou um aumento de 40,18% em relação à última década.

Os resultados mostram que existem 95,9 homens para cada 100 mulheres, ou seja existem mais 3,9 milhões de mulheres a mais que homens no Brasil. Em 2000, para cada 100 mulheres, havia 96,9 homens. A população brasileira é composta por 97.342.162 mulheres e 93.390.532 homens.

Iniciado em 1º de agosto de 2010, os 191 mil recenseadores percorreram os 5.565 municípios brasileiros e as entrevistas implicaram no recenseamento da população por meio de três métodos: entrevista presencial, questionário pela Internet e, por fim, a estimação do número de moradores em domicílios fechados.

*Com informações do IBGE
tribunadonorte.com.br

Polícia diz que 37 pessoas morreram e 123 foram presas durante ações contra o crime no Rio

29/11/2010

Douglas Corrêa

da Agência Brasil

Rio de Janeiro – As ações policiais para combater os ataques criminosos a ônibus, vans e carros de passeio no Rio de Janeiro resultaram na morte de 37 pessoas, a prisão de 123 acusados e a detenção de 130 suspeitos. Os números foram divulgados há pouco pela Policia Militar, que informou ainda que durante os ataques foram incendiados 102 veículos, entre caminhões, carros de passeios, vans e ônibus.

O balanço da Polícia Militar registra a apreensão de 125 armas, entre fuzis, metralhadoras, pistolas, e até metralhadoras com calibre capaz de derrubar helicópteros e romper a blindagem de carros de guerra. Também foram recolhidas 125 granadas e bombas de fabricação caseira, 12 coquetéis molotov, oito explosivos, 14 litros de gasolina, além de seis dinamites e seis espoletas para acionar os explosivos.

O secretário de Segurança Pública, José Mariano Beltrame, apresenta amanhã (30), na Academia de Polícia Civil, todas as armas e drogas apreendidas no Complexo do Alemão, desde domingo (28), quando as forças de segurança iniciaram a operação de reconquista das comunidades que compõem as favelas da região.

Edição: Aécio Amado

Mais de 23 mil brasileiros têm idade acima de 100 anos

29/11/2010

Nielmar de Oliveira

da Agência Brasil

Rio de Janeiro - O Brasil tem hoje 23,7 mil brasileiros com mais de 100 anos. A Bahia é o estado com o maior número de brasileiros centenários, com 3.525. Depois vem de São Paulo (3.146) e Minas Gerais (2.597). Os dados são preliminares e referentes ao Censo Demográfico 2010. Eles foram divulgados hoje (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os números do Censo Demográfico também mostraram uma diminuição no ritmo de crescimento populacional nos estados de São Paulo, Minas Gerais e do Rio de Janeiro, embora eles representem ainda 40,28% do total da população brasileira em 2010, de 190,7 milhões de pessoas.

Pelos dados do IBGE, na última década a população urbana subiu de 81,5% para 84,35%, o equivalente a 160,8 milhões de pessoas, enquanto 15,65% da população (29,8 milhões) viviam em áreas rurais. Os estados que registraram crescimentos populacionais mais expressivos foram o Amapá (40,18% de expansão), Roraima (39,1,%), e o Acre (31,44%).

Edição: Aécio Amado

Brasil já tem 190,7 milhões de habitantes, segundo Censo

29/11/2010

Nielmar de Oliveira
da Agência Brasil

Rio de Janeiro – A população brasileira é de 190.732.694 pessoas, segundo o resultado do Censo 2010, que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou hoje (29). Em relação ao Censo 2000, a população brasileira cresceu 12,3% em uma década, o equivalente a 20,9 milhões de brasileiros. Mas ritmo de crescimento, porém, foi inferior aos 15,6% verificado na década anterior (1991 a 2000).

A população, hoje, é ainda mais urbana do que há 10 anos. Em 2000, o IBGE apurou que 81% dos brasileiros viviam em cidades, contra 84% em 2010. A Região Sudeste continua sendo a mais populosa do Brasil, com 80.353.724 pessoas, embora tenha perdido participação na última década, de 42,8% para 42,1% da população brasileira.

Edição: Vinicius Doria

Governo federal entrega 30 escolas de educação profissional e 25 campi de universidades

29/11/2010

Paula Laboissière
da Agência Brasil

Brasília – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Educação, Fernando Haddad, entregaram hoje (29) 30 escolas federais de educação profissional – 18 já em funcionamento e 12 com previsão para o início de 2011. Foram inaugurados ainda 25 campi ligados a 15 universidades federais.

A iniciativa faz parte do plano de expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e representa o avanço do Programa de Expansão e Reestruturação das Universidades Federais (Reuni).

As 30 escolas federais de educação profissional estão localizadas no Amazonas, na Bahia, no Ceará, no Espírito Santo, em Goiás, no Maranhão, em Minas Gerais, em Mato Grosso, no Pará, em Pernambuco, no Piauí, no Rio de Janeiro, em Rondônia e em Santa Catarina.

Os 25 campi foram inaugurados no Amazonas, na Bahia, no Maranhão, em Minas Gerais, no Pará, na Paraíba, em Pernambuco, no Piauí, no Rio de Janeiro, no Rio Grande do Norte, no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina.

Desde 2005, foram criadas 214 escolas federais de educação profissional, totalizando 342. Também foram criados 126 campi e unidades universitárias, que passaram de 148, em 2002, para 274, este ano. Atualmente, as universidades federais estão presentes em 230 municípios de todo o país.

Em 2003, 140 mil alunos estudavam em escolas de educação profissional, contra 348 mil em 2010. O aumento no número de matrículas foi de 148% e a tendência, segundo a pasta, é de crescimento.

Os recursos para a educação profissional passaram de R$ 1,2 bilhão, em 2003, para R$ 4,9 bilhões este ano. O investimento total para a construção de escolas técnicas federais deve chegar a R$ 1,1 bilhão – até o momento, R$ 941 milhões foram executados em obras de infraestrutura, e em mobiliário e equipamentos.

Edição: Juliana Andrade

Secretaria de Segurança estima que 40 toneladas de drogas já foram apreendidas

29/11/2010

Vladimir Platonow
da Agência Brasil

Rio de Janeiro - Um balanço parcial divulgado nesse domingo (28) pela assessoria da Secretaria de Segurança do Estado do Rio estimou em cerca de 40 toneladas a quantidade de drogas apreendidas no primeiro dia de ocupação do Complexo do Alemão, na zona norte da cidade.


Pelo menos 50 fuzis foram encontrados, sendo nove deles de calibre ponto 30, capazes de abater aeronaves ou até de perfurar carros blindados. Dez mil munições de vários calibres também foram apreendidas.

Do total de drogas localizadas, a Polícia Civil contabilizou 13 toneladas de maconha, 200 quilos (kg) de cocaína e 10 kg de crack. O restante seria por conta das apreensões feitas pela Polícia Militar.

Durante todo o dia, grandes carregamentos de drogas foram localizados dentro de casas, escondidos nas lajes ou enterrados em quintais. Em uma única residência, a Polícia Civil encontrou 7 toneladas de maconha em tabletes, o suficiente para lotar um caminhão.

A ocupação do Complexo do Alemão começou por volta das 8h desse domingo, mas os cerca de 2.700 policiais envolvidos na operação encontraram menos resistência do que imaginavam. Tiros de fuzil e rajadas de metralhadora podiam ser ouvidos ao longe, mas a presença maciça das tropas amedrontou os traficantes, que preferiram fugir, se esconder ou se entregar em vez de partir para o confronto direto.

No início da noite, em entrevista, o secretário de Segurança do Rio, José Mariano Beltrame, disse que a operação atingiu o coração do tráfico e que depois do Alemão, a polícia poderá ir às favelas da Rocinha e do Vidigal, ambas na zona sul.

“O Alemão era o coração do mal. É um local emblemático para todo o Rio de Janeiro, onde tínhamos a convergência de marginais, que lá se homiziavam [escondiam]. E se chegamos ao Alemão, nós vamos chegar na Rocinha, vamos chegar ao Vidigal.”

Beltrame afirmou que as operações no Complexo do Alemão não têm prazo para terminar e que o governo do Rio espera manter um efetivo fixo na região, que será pacificada com ocupação permanente das forças de segurança.

Edição: Graça Adjuto

Santo do dia - São Francisco Antônio Fasani

29 de Novembro

São Francisco Antônio Fasani O santo de hoje nasceu em Lucera (Itália), a 6 de agosto de 1681, e lá morreu a 29 de novembro de 1742. Foi beatificado no dia 15 de abril de 1951 e canonizado a 13 de abril de 1986 pelo Papa João Paulo II. Fez os estudos no convento dos Frades Menores Conventuais. Sentindo o chamamento divino, ingressou no noviciado da mesma Ordem. Fez a profissão em 1696 e a 19 de setembro de 1705 recebeu a Ordenação Sacerdotal. Doutorou-se em Teologia e tornou-se exímio pregador e diretor de almas. Exerceu os cargos de Superior do convento de Lucera e de Ministro Provincial.

"Ele fez do amor, que nos foi ensinado por Cristo, o parâmetro fundamental da sua existência. O critério basilar do seu pensamento e da sua ação. O vértice supremo das suas aspirações", afirmou o Papa João Paulo II a respeito de São Fasani.

São Fasani apresenta-se-nos de modo especial como modelo perfeito de Sacerdote e Pastor de almas. Por mais de 35 anos, no início do século XVIII, São Francisco Fasani dedicou-se, em Lucera, e também nos territórios ao redor, às mais diversificadas formas de ministério e do apostolado sacerdotal.

Verdadeiro amigo do seu povo, ele foi para todos irmão e pai, eminente mestre de vida, por todos procurado como conselheiro iluminado e prudente, guia sábio e seguro nos caminhos do Espírito, defensor dos humildes e dos pobres. Disto é testemunho o reverente e afetuoso título com que o saudaram os seus contemporâneos e que ainda hoje é familiar ao povo de Lucera: ele, outrora como hoje, é sempre para eles o "Pai Mestre".

Como Religioso, foi um verdadeiro "ministro" no sentido franciscano, ou seja, o servo de todos os frades: caridoso e compreensivo, mas santamente exigente quanto à observância da Regra, e de modo particular em relação à prática da pobreza, dando ele mesmo incensurável exemplo de regular observância e de austeridade de vida.

São Francisco Antônio Fasani, rogai por nós!
canção nova

domingo, 28 de novembro de 2010

Polícia prende um dos líderes do tráfico no Morro do Alemão

28/11/2010

Vladimir Platonow
da Agência Brasil

Rio de Janeiro - A polícia prendeu no início da tarde Eliseu Felício de Souza, o Zeu, condenado por tráfico e também pela morte do jornalista Tim Lopes. Segundo os policiais, ele foi encontrado em casa e chegou a resistir ao cerco, mas acabou convencido a se entregar, com a garantia do respeito de sua integridade física.

“Ele está saindo sem nenhum ferimento. O Zeu se entregou depois de resistir passivamente em sua casa. Ele não estava armado”, contou o comandante do 17º Batalhão de Polícia Militar, coronel Marcos Neto, responsável pela prisão.

Os policiais chegaram à casa de Zeu por meio de informações repassadas pelos moradores e levaram cerca de 20 minutos para convencê-lo a se entregar.

Edição: Fernando Fraga

Papa manda mensagem de solidariedade ao Rio de Janeiro

28/11/2010

Douglas Corrêa
da Agência Brasil

Rio de Janeiro – As notícias sobre a ocupação do Complexo do Alemão pelas forças de segurança estaduais, com o apoio das Forças Armadas, repercutem no mundo.

No Vaticano, as notícias sensibilizaram o papa Bento XVI. O arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta, disse que recebeu hoje (28) pela manhã, um fax do núncio apostólico, dom Lourenço Baldisseri, transmitindo a solidariedade do papa à igreja do Rio de Janeiro.

O apoio à população do Rio foi expressado pelo secretário de Estado do Vaticano, cardeal Tarcísio Bertone. “O Santo Padre acompanha com profunda mágoa os graves enfrentamentos e as violências destes dias no Rio de Janeiro, particularmente na comunidade Vila Cruzeiro”.

Bento XVI disse que está fazendo orações pelos mortos, como também pelas suas famílias e pediu às autoridades que ponham fim à desordem. Hoje de manhã, foi celebrada uma missa no Cristo Redentor, no Corcovado, pela paz no Rio de Janeiro. A cerimônia foi celebrada pelo padre Omar Raposo, reitor do santuário, com a participação de mais de 200 pessoas, muitas delas turistas que estavam visitando o monumento.

Edição: Lana Cristina

Advento -

Latim ad-venio, chegar.

Conforme o uso atual [1910], o Advento é um tempo litúrgico que começa no Domingo mais próximo à festa de Santo André Apóstolo (30 de Novembro) e abarca quatro Domingos. O primeiro Domingo pode ser adiantado até 27 de Novembro, e então o Advento tem vinte e oito dias, ou atrasar-se até o dia 3 de Dezembro, tendo somente vinte e um dias.

Com o Advento começa o ano eclesiástico nas Igrejas ocidentais. Durante este tempo, os fiéis são exortados a se prepararam dignamente para celebrar o aniversário da vinda do Senhor ao mundo como a encarnação do Deus de amor, de maneira que suas almas sejam moradas adequadas ao Redentor que vem através da Sagrada Comunhão e da graça, e em conseqüência estejam preparadas para sua vinda final como juiz, na morte e no fim do mundo.

Simbolismo

A Igreja prepara a Liturgia neste tempo para alcançar este fim. Na oração oficial, o Breviário, no Invitatório das Matinas, chama a seus ministros a adorar "ao Rei que vem, ao Senhor que se aproxima", "ao Senhor que está próximo", "ao que amanhã contemplareis sua glória". Como Primeira Leitura do Ofício de Leitura introduz capítulos do profeta Isaías, que falam em termos depreciativos da gratidão da casa de Israel, o filho escolhido que abandonou e esqueceu seu Pai; que anunciam o Varão de Dores ferido pelos pecados de seu povo; que descrevem fielmente a paixão e morte do Redentor que vem e sua glória final; que anunciam a congregação dos Gentis em torno ao Monte Santo. As Segundas Leituras do Ofício de Leitura em três Domingos são tomadas da oitava homilia do Papa São Leão (440-461) sobre o jejum e a esmola, como preparação para a vinda do Senhor, e em um dos Domingos (o segundo) do comentário de São Jerônimo sobre Isaías 11,1, cujo texto ele interpreta referido a Santa Maria Virgem como "a renovação do tronco de Jessé". Nos hinos do tempo encontramos louvores à vinda de Cristo como Redentor, o Criador do universo, combinados com súplicas ao juiz do mundo que vem para proteger-nos do inimigo. Similares idéias são expressadas nos últimos sete dias anteriores à Vigília de Natal nas antífonas do Magnificat. Nelas, a Igreja pede à Sabedoria Divina que nos mostre o caminho da salvação; à Chave de Davi que nos livre do cativeiro; ao Sol que nasce do alto que venha a iluminar nossas trevas e sombras de morte etc. Nas Missas é mostrada a intenção da Igreja na escolha das Epístolas e Evangelhos. Nas Epístolas é exortado ao fiel que, dada a proximidade do Redentor, deixe as atividades das trevas e se vista com as armas da luz; que se conduza como em pleno dia, com dignidade, e vestido do Senhor Jesus Cristo; mostra como as nações são chamadas a louvar o nome do Senhor; convida a estar alegres na proximidade do Senhor, de maneira que a paz de Deus, que ultrapassa todo juízo, custodie os corações e pensamentos em Cristo Jesus; exorte a não julgar, a deixar que venha o Senhor, que manifestará os segredos escondidos nos corações. Nos Evangelhos, a Igreja fala do Senhor, que vem em sua glória; dAquele no qual e através do qual as profecias são cumpridas; do Guia Eterno em meio aos Judeus; da voz no deserto, "Preparai o caminho do Senhor". A Igreja em sua Liturgia nos devolve no espírito ao tempo anterior à encarnação do Filho de Deus, como se ainda não tivesse ocorrido. O Cardeal Wiseman disse:

Estamos não somente exortados a tirar proveito do bendito acontecimento, como também a suspirar diariamente como nossos antigos pais, "Gotejai, ó céus, lá do alto, derramem as nuvens a justiça, abra-se a terra e brote a salvação". As Coletas nos três dos quatro Domingos deste tempo começam com as palavras, "Senhor, mostra teu poder e vem" - como se o temor a nossas iniqüidades previsse seu nascimento.

Duração e Ritual

Todos os dias de Advento devem ser celebrados no Ofício e Missa do Domingo ou Festa correspondente, ou ao menos deve ser feita uma Comemoração dos mesmos, independentemente do grau da festa celebrada. No Ofício Divino o Te Deum, jubiloso hino de louvor e ação de graças, se omite; na Missa o Glória in excelsis não se diz. O Alleluia, entretanto, se mantém. Durante este tempo não pode ser feita a solenização do matrimonio (Missa e Bênção Nupcial); incluindo na proibição a festa da Epifania. O celebrante e os ministros consagrados usam vestes violeta. O diácono e subdiácono na Missa, no lugar das túnicas usadas normalmente, levam casulas com pregas. O subdiácono a tira durante a leitura da Epístola, e o diácono a muda por outra, ou por uma estola mais larga, posta sobre o ombro esquerdo entre o canto do Evangelho e a Comunhão. Faz-se uma exceção no terceiro Domingo (Domingo Gaudete), no qual as vestes podem ser rosa, ou de um violeta enriquecido; os ministros consagrados podem neste Domingo vestir túnicas, que também podem ser usadas na Vigília do Natal, ainda que fosse no quarto Domingo de Advento. O Papa Inocêncio III (1198-1216) estabeleceu o negro como a cor a ser usada durante o Advento, mas o violeta já estava em uso ao final do século treze. Binterim diz que havia também uma lei pela qual as pinturas deviam ser cobertas durante o Advento. As flores e as relíquias de Santos não deviam ser colocadas sobre os altares durante o Ofício e as Missas deste tempo, exceto no terceiro Domingo; e a mesma proibição e exceção existia relacionada com o uso do órgão. A idéia popular de que as quatro semanas de Advento simbolizam os quatro mil anos de trevas nas quais o mundo estava envolvido antes da vinda de Cristo não encontra confirmação na Liturgia.

Origem Histórica

Não pode ser determinada com exatidão quando foi pela primeira vez introduzida na Igreja a celebração do Advento. A preparação para a festa de Natal não deve ser anterior à existência da própria festa, e desta não encontramos evidência antes do final do século quarto quando, de acordo com Duchesne [Christian Worship (London, 1904), 260], era celebrada em toda a Igreja, por alguns no dia 25 de Dezembro, por outros em 6 de Janeiro. De tal preparação lemos nas Atas de um sínodo de Zaragoza em 380, cujo quarto cânon prescreve que desde dezessete de Dezembro até a festa da Epifania ninguém devesse permitir a ausência da igreja. Temos duas homilias de São Máximo, Bispo de Turim (415-466), intituladas "In Adventu Domini", mas não fazem referência a nenhum tempo especial. O título pode ser a adição de um copista. Existem algumas homilias, provavelmente a maior parte de São Cesáreo, Bispo de Arles (502-542), nas quais encontramos menção de uma preparação antes do Natal; todavia, a julgar pelo contexto, não parece que exista nenhuma lei geral sobre a matéria. Um sínodo desenvolvido (581) em Macon, na Gália, em seu nono cânon, ordena que desde o dia onze de Novembro até o Natal o Sacrifício seja oferecido de acordo ao rito Quaresmal nas Segundas, Quartas e Sextas-feiras da semana. O Sacramentário Gelasiano anota cinco domingos para o tempo; estes cinco eram reduzidos a quatro pelo Papa São Gregório VII (1073-85). A coleção de homilias de São Gregório o Grande (590-604) começa com um sermão para o segundo Domingo de Advento. No ano 650, o Advento era celebrado na Espanha com cinco Domingos. Vários sínodos fizeram cânones sobre os jejuns a observar durante este tempo, alguns começavam no dia onze de Novembro, outros no quinze, e outros com o equinócio de outono. Outros sínodos proibiam a celebração do matrimônio. Na Igreja Grega não encontramos documentos sobre a observância do Advento até o século oitavo. São Teodoro o Estudita (m. 826), que falou das festas e jejuns celebrados comumente pelos Gregos, não faz menção deste tempo. No século oitavo encontramos que, desde o dia 15 de Novembro até o Natal, é observado não como uma celebração litúrgica, mas como um tempo de jejum e abstinência que, de acordo com Goar, foi posteriormente reduzido a sete dias. Mas um concílio dos Rutenianos (1720) ordenava o jejum de acordo com a velha regra desde o quinze de Novembro. Esta é a regra ao menos para alguns dos Gregos. De maneira similar, os ritos Ambrosiano e Moçárabe não têm liturgia especial para o Advento, mas somente o jejum.

FUENTE: www.enciclopediacatolica.com(em espanhol)

Vamos Recordar ! Santo Antônio - 4

Bom Sucesso Futebol Clube, no ano de 1955 à 55 anos (2010)
Em pé: Zé Luís Mago, José Augusto, Zé Aldo Barbalho, Nego Valdemiro (goleiro), Zé Chica e Antônio Fortunato.
Agachado: Dão 21, Agripino, Cícero Inácio, Bil Alfaiate e Deoclécio.

Mega operação triunfa no Alemão

Por Alpino. 28.11.10 - 14h48

YAHOO!NOTÍCIAS

Galeria da semana

Dê a volta ao mundo pelas imagens da National Geographic

National Geographic | 28/11/2010 09:19

Foto: National Geographic
A rã da espécie Dendropsophus ebraccatus é tão pequena que pode ser carregada num dedo
Foto: National Geographic
Mesquita Al Berdain em Meknès, MarrocosFoto: National Geographic
Em 1752, Benjamin Franklin descobriu que o raio é feito de eletricidade

Foto: National Geographic
Nas ilhas Galápagos, Rocas Baimbridgen guarda show de tons azuis e a surpreendente lagoa
Foto: National Geographic
Borboletas do Parque Nacional Madidi, na Bolívia
Foto: National Geographic
Cabanas de Tall Mardikh, Síria: frescas no verão e quentes no inverno
Foto: National Geographic
Temido tubarão branco nada entre pequenos peixes
ultimosegundo